Dia Internacional da Mulher

  “Eu sou aquela mulher a quem o tempo muito ensinou.

Ensinou a amar a vida e não desistir da luta, recomeçar na derrota, renunciar a palavras e pensamentos negativos.

Acreditar nos valores humanos e ser otimista.” (Cora Coralina)

 

 

Com os versos de Anna Lins dos Guimarães Peixoto, uma das mais importantes escritoras brasileiras, conhecida com Cora Coralina, os participantes da Despertar, na semana em que se comemorou o dia Internacional das Mulheres, desenvolveu atividades, montou cartazes e ofereceu um singelo cartão a todas elas, belas e guerreiras, mulheres.

Durante as aulas, uma pesquisa foi desenvolvida e em rodas de conversa, abordaram-se: a história do surgimento do dia internacional das mulheres, , Lei 11.340, mais conhecida como “Lei Maria da Penha”, a Mulher e suas conquistas no século XXI, entre outros temas.

 Os jovens do CEDESP, numa atividade muito graciosa, ofertaram bilhetinhos com poesias e poemas às mulheres, na Organização Social.

abril 6, 2017

Inclua seu Comentário

*