Trabalho Social com Famílias na Despertar!

A Despertar realizou o 5º encontro de multiplicação do projeto “Criança é Vida Afeto e Proteção” do Instituto Criança é Vida em continuidade ao trabalho social com famílias que sensibiliza e informa sobre a violência doméstica contra crianças e adolescentes.

A atividade aconteceu no dia 30 de setembro de 2013, no salão de eventos, com início às 9h. As 16 pessoas presentes tomaram conhecimento do evento através dos convites entregues aos participantes de todas as atividades oferecidas pela Despertar.

Assim como em todos os encontros, iniciamos o evento resgatando os pontos  principais dos encontros anteriores. Enfatizamos que este foi o quinto dos sete encontros previstos para este ano e que a lista de presença se faz necessária para a entrega de certificados aos que assumiram o compromisso de participação em todos os encontros.

Os oito cartazes didáticos oferecidos como material de apoio pelo Instituto Criança é Vida são ilustrados com imagens referentes ao tema e alguns tópicos a serem comentados e refletidos, esses cartazes foram sendo expostos no decorrer do trabalho com muita interação e participação dos convidados.

  • Violência contra a criança acontece todo o dia;
  • Negligência;
  • Abandono;
  • Violência física;
  • Violência psicológica;
  • Exploração sexual;
  • Abuso sexual;
  • Síndrome do Munchausen por procuração;

Realizamos duas atividades para maior compreensão do assunto.

Na primeira atividade dividimos os participantes em grupos. Em cinco minutos eles tinham que perguntar, uns aos outros, sobre o que gostaram e o que não gostaram da infância. Cada grupo selecionava uma pessoa para apresentar aos outros grupos as respostas. O objetivo da atividade foi fazer um momento de reflexão, já que havia semelhanças nas respostas, como por exemplo, não gostava de apanhar ou de ficar de castigo quando criança.

Na segunda atividade foi distribuído o texto: “Esperança” do autor Gêni Souza sugerido pelo Instituto Criança é Vida, para que todos acompanhassem a leitura. Este texto destaca a importância de crescer sem palmadas.

Após comentarmos todos os pontos e expor todos os cartazes didáticos compartilhamos experiências e refletimos sobre o tema abordado. Distribuímos os folhetos informativos fornecidos pelo Instituto Criança é Vida e por fim nos confraternizamos com um delicioso café da manhã oferecido pela Despertar. O encontro se estendeu até às 10h30.

 

setembro 30, 2013

Inclua seu Comentário

*